Randonnée en Montagne

Randonnée en Montagne

23-12-2011 Alecrimes - Seara - Covide - Campo do Gerês

Neste dia andámos literalmente acima das nuvens, uma chamada bem cedo confirmava a suspeita de um nevoeiro cerrado que iria tornar a caminhada não tão interessante, para nosso espanto mesmo antes de chegar a Sta. Isabel do Monte eis que ficámos por cima de todo esse manto espesso em toda a volta, o que tornou o dia ainda mais magnífico, saímos de Alecrimes, percorremos o trilho dos moínhos de Sta. Isabel do Monte até Seara onde continuámos pelo trilho do castelo que nos proporcionou vistas soberbas e "únicas" entre o Piorneiro e o Castelo de Covide, pouco tempo depois estávamos em Covide, dali ao Campo do Gerês foi um pulo.


Alecrimes










pareceu-nos um óptimo sítio para o pequeno-almoço





Rebordochão







Seara












e o manto perdura...




vista do Piorneiro



sempre esgalhada esta Xarah!



Castelo de Covide



!

Pé de Cabril ao fundo



não foi fácil parar de tirar fotografias, estava mesmo único.



Aqui tinha que ser! "cá estou eu"



que dia...





depois do almoço já não havia nevoeiro, em Covide


Covide





Covide



Covide



Covide



Calcedónia















Campo do Gerês






Campo do Gerês

6 comentários:

  1. As condições atmosféricas proporcionaram momentos deliciosos, pelas fotos é uma caminhada digna de se fazer! Mas no PNPG qual será a que não é?!
    Abraço

    ResponderEliminar
  2. Parabéns pelo blog.Aqui ficam algumas fotos da nossa caminhada no último dia de 2011.

    Abraços aos 3 e até breve.

    http://mundodaalma.blogspot.com/2012/01/minas-dos-carris.html

    ResponderEliminar
  3. Sem dúvida nenhuma que este dia não me vai sair da memória por muitos e muitos anos, não só pelas vista magníficas que tivemos mas também pela vossa companhia"que é sempre excelente".

    Grande abraço e bom 2012
    Paulo

    ResponderEliminar
  4. É verdade Filipe, este foi daqueles dias que tínhamos a noção que não se repetem facilmente, apesar de grande parte do percurso estar situado fora do PNPG, encontra-se na zona limítrofe do Parque, cenários diferentes daquela Serra agreste mas também espetaculares à sua maneira!

    Abraço
    Xavier

    ResponderEliminar
  5. Obrigado pelo feedback Alexandre! Foi um prazer.

    Abraço
    Xavier

    ResponderEliminar
  6. Recordo-me bem da quantidade de asneiras que dissemos quando dobramos a encosta do Piorneiro e vimos aquele manto à nossa frente, tal não era a estupfacção! Sabes bem que só não te acompanhamos quando não podemos. Privar contigo é sempre uma alegria!

    Abraço amigo!
    Xavier

    ResponderEliminar