Randonnée en Montagne

Randonnée en Montagne

20-06-2018 Vaqueria(3700m) - Yanachaca - Huaripampa - Paria camp(3870m), Santa Cruz trekking day1, Parque Nacional Huascarán, Peru

texto e fotografias: Xavier
Ficha técnica:
Distância - 11,23km
Subida - 440m
Descida - 280m
Altitude Max - 3824m
Altitude min - 3435m
Tipo - linear
Cotação - fácil 
Caminhada efectiva - 3h30m
track: aqui

video do dia

Para continuarmos a aclimatação decidimos fazer um outro percurso de 4 dias, 55km, o Santa Cruz Circuit, seguramente o mais popular da Cordilheira Branca, deve a sua popularidade à beleza do percurso claro, um trilho sempre nítido e evidente e a passagem num colo com 4750m de altitude de relativa facilidade, o percurso decorre no Parque Nacional de Huascarán, para tal tivemos de comprar autorizações, o preço depende dos dias, 30 soles para actividades de 1 dia, 60 soles para actividades de 2/3 dias e 150 soles que é válido para 1 mês, mesmo sabendo que normalmente iríamos fazer o percurso em 4 dias, comprámos o bilhete de 3 dias, 60 soles cada um, o percurso pode ter início em 2 locais, Vaqueria(3680m) ou Cashapampa(2900m), escolhemos como grande parte das pessoas, começar em Vaqueria.
Para chegarmos a Vaqueria(3680m) tivemos a nossa primeira verdadeira experiência em coletivos, imaginem aquelas toyotas de 9 lugares com 15 pessoas lá dentro, a cada 500m entra e sai gente, é uma experiência a não perder, não existe melhor forma de conviver com os locais, isto foi o que vivenciámos no primeiro colectivo entre Huaraz e Yungay, aproximadamente uma hora de viagem por 5 soles(1,25€!), em Yungay assim que saímos do colectivo somos abordados “Vaqueria , Vaqueria, vamonos!” Neste segundo colectivo éramos só turistas, ao todo éramos 5, a viagem dura umas 2h30m/3h até Vaqueria, custa uns 15 soles, assim que passamos o posto de controlo do parque nacional a estrada passa num cenário absolutamente brutal, enormes paredes escarpadas e lindíssimas lagoas na base do vale, um pouco mais tarde passamos num colo a 4700m, é verdade, 4700m de altitude no colectivo!! Segue-se a descida para Vaqueria, 1000m mais baixo. Saímos de Huaraz às 5 da manhã, chegamos a Yungay às 6, esperamos um pouco, partimos de Yungay às 7 e chegamos finalmente a Vaqueria às 10 da manhã, impressionante, ainda era cedo e já tínhamos a sensação de ter vivido meio dia, muitas emoções.
Finalmente em Vaqueria(3680m), metemos creme solar e atacamos a primeira etapa, começamos por descer e passar o rio, contornamos a encosta, passamos novamente um outro rio, passamos em Yanachaca(3440m), a partir daqui o trilho é evidente, até então pode haver alguns problemas na navegação. O trilho passa ainda noutro pequeno povoado chamado Huaripampa(3560m), sempre toda a gente muito simpática, passamos de seguida num posto de controle do PNH onde temos que voltar a mostrar as autorizações, prosseguindo caminhamos pela base do vale a um ritmo tranquilo, 3h30m depois de iniciarmos a caminhada chegamos ao acampamento Paria(3825m) onde damos por terminado este primeiro dia. Esta época apesar de ser o Inverno é o chamado Verão Andino porque nunca chove, mas em TODAS as noites que acampei acordei com a tenda com uma camada de gelo, fruto das noites de céu limpo, o Sol nasce às 6 e põe-se às 18h.
Logo na primeira noite quando me levantei por volta das 2 da manhã para fazer algumas exposições manuais com a máquina fiquei espantado com a quantidade de gelo que a tenda já tinha.
Vamos aos registos
que moca




tem umas belas vistas esta estrada

no caminho para Vaqueria


siga!

















posto de controle do Parque Nacional






















Paria camp
uma parte do jantar





outra parte

Sem comentários:

Enviar um comentário