Randonnée en Montagne

Randonnée en Montagne

17-08-2014 Champex-lac - La Breya - Cabane d'Orny - Cabane de Trient, Mont Blanc Massif, Valais, Suisse

texto e fotografias: Xavier

Esta é uma daquelas caminhadas obrigatórias a fazer ao visitar o cantão do Valais, verdadeiro cenário alpino puro!
As referências que tínhamos lido falavam em 5h30m desde Champex-lac(1470m) até à Cabane du Trient(3170m), começar cedo era imperativo! Existe um teleférico desde Champex-lac até La Breya(2194m) que encurta essa distância para 4 horas, ainda olhámos para ele ao começar a caminhada mas optámos por subir e descer sem o utilizar, mas numa próxima seguramente utilizaremos este teleférico, os brutais 1700m de desnível fizeram-se notar no regresso a Champex, especialmente na descida de La Breya até Champex que é bem íngreme, e são cerca de 20km de distância no total, é dura esta caminhada, .
Desde logo, os 35 minutos que demoramos de casa a Champex foi uma agradável surpresa e começamos a caminhar pouco depois das 8h30m mesmo ao pé do teleférico em Champex-Lac que liga a La Breya.
Seguimos 10minutos por estrada rumo a Oeste, rumo que iríamos manter até à Cabane du Trient, entretanto sai um pequeno trilho à esquerda que começa a subir pelo interior da floresta, alguns minutos depois saímos da floresta e o caminho começa a ziguezaguear montanha acima até chegar a La Breya( 2194m), demorámos 1h30m a chegar a este sítio vencendo os primeiros 700m de desnível, passamos pelo teleférico e aparece o Grand Combin no nosso campo de visão assim como vários picos marcantes que nos vão fazendo companhia nos próximos kms.
Tomámos nesta zona o reforço matinal, os próximos kms seguem por um belo trilho um pouco exposto a meia-encosta sem grandes oscilações de desnível contornando as várias corgas, bem acima da Combe d`Orny, à medida que vamos avançando o vale vai-se estreitando, mas ainda não dá para ter noção do que realmente nos espera, existem correntes em várias zonas mas o trilho não tem qualquer dificuldade, ignoramos o trilho à direita para o Col de la Breya e um pouco mais à frente um outro trilho que sai à esquerda e atravessa a linha de água.
Neste ponto erguem-se as Aiguilles d`Arpette do nosso lado direito e passamos numa chã, sítio impecável para montar a tenda, entretanto continuamos a subir, algum tempo depois abre-se novamente o horizonte e ficamos com o Glacier d'Orny à frente, minutos depois passamos na Cabane d'Orny(2869m) que nos pareceu um óptimo sítio para ficar por ali mas o nosso objectivo era para lá dos 3000m.
Ao lado da cabana uma placa indica 1hora para a Cabane du Trient, mas tem de ser um hora a andar bem, ou então estávamos tão maravilhados com o cenário que nem demos conta que as paragens que íamos fazendo foram algo longas, as marcas azuis e brancas indicam o caminho alpino que não apresenta qualquer dificuldade técnica, tem uma pequena via ferrata muito fácil, conta com algumas pequenas descidas e cordas nas subidas um pouco mais expostas. 1h30m depois da Cabane d'Orny chegávamos à Cabane du Trient(3170m).
Perante nós ergue-se um cenário completamente diferente do que estamos habituados a ver nas nossas caminhadas, estende-se à nossa frente o Plateau du Trient delimitado a Sul pelas Aiguilles Dorées e a Oeste pela Aiguille du Tour.
Enquanto tratávamos do repasto com uma das melhores vistas até hoje, assistimos a um resgate feito pelo helicóptero da Air-Glaciers que trouxe um ferido lá dos lados da Aig. du Tour, tanto a forma como o helicóptero aborda o refúgio, especialmente quando não trazia o ferido pendurado, como a forma como ele sai na direcção do Plateau é fantástica, no tempo que lá estivemos o helicóptero foi e veio umas 4/5 vezes até às proximidades da Aig. du Tour.
Sendo o percurso linear ficámos o máximo de tempo por ali, pouco mais de 2horas e saímos de lá por volta das 16h, o sítio é viciante mas tínhamos que descer.
Demorámos cerca de 5horas e meia incluindo as centenas de paragens a chegar à Cabane du Trient na subida, o regresso foi feito pelo mesmo percurso em 3h30m, com algumas partes a roçar o running. Chegámos ao local de partida às 19h30m com umas belas 11horas de montanha.
Fica o aviso, é uma caminhada absolutamente inesquecível, não só pelo cenário final mas por todos os diferentes cenários pelos quais vamos passando.
Tenho por hábito uplodar menos de 100 fotografias por caminhada, esta pelas várias razões antes descritas ultrapassa e muito esse número.haja paciência! Siga!

Video Acelerado desde Cabane du Trient

percurso efectuado
teleférico Champex-Lac - La Breya, que ignorámos mas que compensa 



Dents-du-Midi à esquerda e Lac Leman ao fundo no centro




Grand Combin


La Breya
parece que estávamos a adivinhar o que aí vinha! bota euforia!





















Grand Combin
a Tixa não para de olhar para o Combin!


chã

mas que cara... é isto? um círculo perfeito à volta do Sol



começa a aparecer o Glacier d'Orny ao lado direito
nós com o Grand Combin nas costas



360 próximo da Cabane d'Orny
Glacier d'Orny


Glacier d'Orny


Cabane d'Orny
bouquetin em bronze

bouquetin em bronze


Cabane d'Orny
nós e a Cabane d'Orny


Glacier d'Orny


Grand Combin





pequena espécie de via ferrata


Aiguilles Dorées




Aiguilles Dorées
Glacier d'Orny





voilá! eis o plateau du Trient



Cabane du Trient
plateau du Trient
uma das muitas figuras
Cabane du Trient
360 Cabane du Trient
Cabane du Trient


Cabane du Trient
Aiguilles Dorées



muito bom!

panorama
helicóptero a acabar de chegar ao refúgio
plateau du Trient
nós por cá
helicóptero a abandonar

a chegar com um ferido




helicóptero a chegar com um ferido
Cabane du Trient, com esta beleza, pelo menos uma visita anual está garantida!
e tínhamos de regressar
plateau du Trient
Glacier d'Orny




que fixe!


Cabane d'Orny


e nós por cá!



Sem comentários:

Enviar um comentário