Randonnée en Montagne

Randonnée en Montagne

15-11-2015 Bonatchiesse - Le Coui - Écurie du Crêt - Plan des Lires - Col du Crêt - Le Parrain - Écurie du Vasevay, Val de Bagnes, Valais, Suisse

texto e fotografias: Xavier
ficha técnica
distância: 17,08km
subida total: 1708m
descida: 1708m
altitude máx: 3259m
altitude min: 1577m
caminhada efectiva: 6h30m/7h
tipo: circular
track: aqui
Regresso ao Alto Val de Bagnes, há tanto para fazer por ali. Comecei novamente em Bonatchiesse(1577m) rumo a Este, neste Domingo a Xarah era a minha única companhia, apetecia-me dar gás, em cerca de uma hora tinha subido 750m de desnível e passava na Écurie du Cret(2298m), continuo um pouco mais no trilho marcado em direcção a Le Dâ, logo de seguida saio para Este seguindo as velhas marcas vermelhas e brancas, com 1h45m de caminhada passava em Plan des Lires(2576m), daqui continuo para Este tentando seguir as velhas marcas na direcção da aresta entre o Pointe du Cret e o Le Parrain, tinha em mente percorrer toda esta aresta passando pelo Pointe du Crêt e pelo Pointe des Chamois mas o tempo não estava convidativo.
O terreno que antecede a aresta é bastante instável, com 2h30m de caminhada chego à aresta entre o Col du Crêt e o Pointe du Crêt, dali é visível o bivouac des Pantalons Blancs(3278m), continuo pela aresta, sempre que possível, em direcção a Norte rumo ao Le Parrain, quando tal não era possível avançava pela encosta Oeste sem neve nenhuma até à aresta, numa ou outra parte usei os 4 membros para progredir. Chegado ao Col du Crêt(3114m) é bem visível o Le Parrain(3259m) que fica ali mesmo ao lado, ataco então o Le Parrain pela aresta Este, uma vez mais contornei os obstáculos avançando pela encosta Sul mas indo de encontro logo de seguida novamente à aresta, a neve estava gelada e na aresta havia acumulações na ordem dos 20/30cm de neve.
A Xarah houve uma parte em que ela foi forçada a continuar pela encosta Sul e subir pela vertente Oeste para vir ter comigo ao pico do Le Parrain(3259m). Corria um vento frio glaciar, abandonei logo a ideia de percorrer a aresta até ao Pointe du Vasevay até porque tenho ideia de ir dormir ao bivouac des Pantalons Blancs, certamente não este ano mas lá para 2016.
Contemplada a vista, bem nublada, desci novamente a aresta Este do Le Parrain porque tinha deixado os bastões no pequeno colo entre o Le Parrain e o Col du Cret, foi pena, senão tinha descido pela encosta Oeste até reencontrar o trilho bem mais abaixo.
Desci então por esse pequeno colo e reencontrei o trilho da subida em Plan des Lires(2576m), dali até à Écurie du Cret é um pulo.
Tinha ainda tempo e mesmo que ficasse noite tinha o frontal, vai daí segui para a Écurie du Vasevay(2157m) onde chego rapidamente e vejo uma série de chamois, de seguida na descida até à estrada encontrei um casal que acompanhei até Bonatchiesse, foi porreiro falar um pouco no final desta caminhada. Foi um dia bem passado e acho que agora sim, acabou a época das caminhadas, está aí a altura de afiar os skis.
Vamos aos registos
Bonatchiesse





e uma vez mais um gypaete barbu

Écurie du Crêt







Col du Crêt

já perto da aresta

Le Parrain ao centro
continuação da aresta para Sul
glacier des ecoulaies

continuação da aresta para Norte e o Le Parrain


Le Parrain, subi sempre pela aresta no limite entre a neve e a rocha
panorama N
Le Parrain

panorama SE

Grande Dixence ao centro
Grande Dixence

Pointe du Vasevay ao centro

Lac de Mauvoisin
continuação da aresta para O
panorama NO
mariola no Le Parrain


a Xarah
glaciar do Parrain
Ref. Igloo des Pantalons blancs à esquerda no topo

glaciar do Parrain

Le Parrain



desci pelo colo logo à descida do Le Parrain

Pointe du Vasevay ao centro
Col du Crêt
e finalmente aparece o Le Pleurer

Le Pleurer
o Grand Combin envolto no nevoeiro



e o tempo melhorava




Écurie du Crêt


Le Pleurer
Dents du Midi


o Le Pleurer
Bonatchiesse na base do vale
Écurie du Vasevay

chamois
Écurie du Vasevay

Sem comentários:

Enviar um comentário